Grande vitória do Nacional no sub-20 da 1ªdivisão!










Opa,

Depois do jogo Mauaense x Elosport, foi a vez de acompanhar um jogo do Campeonato Paulista sub-20 da 1ªdivisão, campeonato que aparece aqui no JP pela primeira vez em 2009. E o mais legal é que seria um jogo noturno e em campo neutro. O jogo foi válido pelo Grupo 6 e reuniu os times do Santo André e do Nacional, jogando no Estádio Baetão, em São Bernardo do Campo.

E pela primeira vez acompanhei um jogo noturno pelo sub-20. Não lembro a última vez que isso aconteceu não, mas com certeza foi antes dos anos 90. E o David iria comigo, mas ele refugou de última hora, sempre com aquele ânimo contagiante de dar inveja a qualquer um. Saido de Mauá segui de trem até a Estação Santo André e dali peguei o trólebus até o Terminal de São Bernardo. Cheguei em SBC às 6 da tarde, e como o jogo seria só 7 e meia fui fazer uma boquinha.

Colei num bar do lado do Terminal, e infelizmente a trilha sonora no lugar não era um bom jazz, ou uma boa música soul ou até mesmo um rock nacional dos anos 80. Vi e ouvi vídeos de músicas bizarras, letras absolutamente assustadoras e um gosto pra lá de duvidoso. Olha, paguei meus pecados na meia hora que fiquei por ali. Logo quando acabei a refeição saí correndo dali rumo ao estádio.

Ainda deu tempo de ficar lendo mais um trecho da ótima biografia do Frank Zappa enquanto o jogo não começava. E na hora em que os times entraram no gramado sintético do baetão, lá estava eu para as fotos oficiais do jogo:

Os dois times fazem parte do grupo 6 do sub-20, que ainda conta com as equipes do Pão de Açúcar, Portuguesa, Santos, São Bernardo FC e Portuguesa Santista. E é o último ano para acompanhar mesmo o Naça nesse campeonato, já que em 2010 o time vai jogar o sub-20 da Segunda Divisão, e sabe-se lá quando vamos ver de novo o time ferroviário contra os times que jogam a A-1 em São Paulo.

E esse era o segundo jogo do time da Barra Funda, já que foi derrotado na estréia pelo Pão de Açúcar. O Santo André também perdeu para o PAEC e ganhou da Portuguesa Santista. E pelo que o David tinha me contado do primeiro jogo do time do Nacional, a perspectiva não era boa para essa partida não.

Fui então me postar no ataque do Naça para acompanhar o jogo. E me surpreendi com a partida que o time visitante fez. Desde os primeiros momentos o time fez um jogo de igual para igual com o time andreense. O time neutralizou o ataque dos donos da casa, mostrando uma equipe com boa qualidade.

Durante os primeiros 45 minutos, vi então um bom jogo, bastante equilibrado, mas sem chances mais agudas de gol para nenhuma das equipes. O jogo foi então para o intervalo sem a abertura do placar, mas com a boa impressão que tive do time nacionalino. No intervalo acabei saindo do gramado e fui para a arquibancada "torta" do Baetão, pois queria descansar um pouco.

O segundo tempo então foi melhor do que o primeiro para a equipe visitante. Após o Santo André levar relativo perigo nos primeiros 15 minutos, o Nacional tomou conta do jogo na meia hora final e merecia pelo menos um gol. Mas o time pecava pelo preciosismo de alguns jogadores, que chegavam cara-a-cara com o goleiro e resolviam dar um drible a mais. Se chegassem chutando o time teria feito o gol bem antes.

O jogo então seguia para um 0x0 sem graça, quando os times resolveram presentear a boa torcida presente no Baetão com três gols após os 40 minutos da segunda etapa. E foi o Nacional quem abriu o marcador, através do jogador Kadson, que recebeu no bico da área e chutou com estilo encobrindo o goleiro andreense. Foi um típico gol de futebol de botão.


Mas nem deu tempo de comemorar, pois dois minutos depois o Santo André empatou com o jogador Rafael cabeceando de forma certeira depois de cruzamento da esquerda do ataque. Esse gol levou a uma discussão entre integrantes das comissões técnicas que estavam também na arquibancada. O pessoal andreense se exaltou um pouco, e enquanto todos discutiam o Nacional acabou marcando o gol da vitória.


Aos 45 minutos o jogador Washington recebeu lançamento na esquerda. Ele entrou na área e tocou cruzado no canto esquerdo do goleiro. Gol do Nacional e festa do pessoal que torcia para o time paulistano no Baetão. O Santo André até tentou o segundo gol nos acréscimos, mas não tinha como mudar mais o marcador.

Final de jogo: Santo André 1-2 Nacional. Grande vitória do time da Barra Funda fora de casa, com um dos favoritos do grupo. Quem sabe o time não engrene de vez para que possa se depedir da 1ªdivisão com uma bela campanha. Com um friozinho inesperado, voltei então para o Terminal de São Bernardo para pegar o ônibus para o Jabaquara. E já pensando no clássico que veria na sexta à tarde!

http://jogosperdidos.zip.net/

Foto: Fernando Martinez
Share on Google Plus

Sobre Breno Junior

Lado a Lado com o esporte do Grande ABC. Amante e entusiasta do Esporte no interior do ABCDM.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial