Tiago Lopes: "O Palestra é o time da raça!"

Um dos destaques do Palestra na última partida diante do Mauaense no domingo (27) e autor do primeiro gol da equipe na vitória por 2x1, Tiago Lopes Catarino, define bem qual tem sido o forte do clube na competição. "O Palestra é o time da raça dentro desta Série B", diz ele, que tem se destacado nas defesa da zaga e na abertura de contra ataques da equipe.
Aos 24 anos, o jogador nascido e criado em Osasco na Grande São Paulo, diz que tomou gosto pelo futebol como a maioria dos garotos, acompanhando o pai atuar na várzea. Tiago se mostra polivalente, ele é zagueiro de origem, mas vem se dando bem pelo lado esquerdo do Alviverde. Em outros clubes por onde passou, como EC Osasco, São Bento, Barcelona, Mauaense, Grêmio Osasco e Ituano, ele já atuou como volante.
O dono da camisa seis do Dogão também já esteve fora do país, na Suécia atuando pelo Orebro, mas segundo ele o momento mais marcante foi o acesso conquistado com o Grêmio Osasco à Série A3 em 2008. O pior defeito no futebol atualmente, Lopes descreve como a situação difícil dos clubes menores. "Os atrasos de salário nos clubes é um grande problema para muitos deles hoje", diz.
Sobre o fato mais curioso que já presenciou, Tiago cita um jogo onde não atuou, assistiu ao polêmico lance em que o árbitro validou um gol marcado pela gândula do Santacruzense diante do Atl. Sorocaba, que culminou no acesso da equipe.
Tiago, que veio sob a indicação do amigo pessoal Brasil Silva agradece a oportunidade e diz ter se identificado com a camisa palestrina. "Agradeço ao meu amigo Brasil, uma pessoa respeitada por todo mundo no ABC por estar aqui, me identifiquei muito com o clube, tenho parentes aqui em São Bernardo e já conhecia um pouco sobre o Palestra", revela. O lateral vai além e engrandece a apaixonada torcida Alviverde. "No dia-dia vamos percebendo que é um clube de tradição, as pessoas que estão aqui, estão por amor, a torcida apoia o tempo todo, é cada dia mais raro essa lealdade. Sei que grandes jogadores marcaram história aqui, o Alex Dias, Zé Roberto, espero marcar meu nome aqui também!", sonha.



O momento mais especial até o momento foi o primeiro jogo diante do São Vicente, quando ele anotou um dos dois gols na vitória por 2x1. Ele considera o Grupo 06 um dos mais equilibrados, destaca o Grêmio Mauaense como uma das equipes mais difíceis e crê não só na classificação como no acesso. "O Mauaense nos deu muito trabalho nas duas partidas, eles possuem muito conjunto. O nosso time é fehcado no objetivo, gostaríamos de dar esse acesso ao clube de presente a torcida", fala.
Além do acesso, Tiago sonha não apenas em marcar história no Palestra e no futebol nacional, diz que seu sonho seria ajudar crianças carentes. "Sonho em ajudar minha família e criar uma fundação para crianças carentes", finaliza.
O próximo desafio e Tiago e do Dogão no Paulistão da Série B é diante do Nacional neste sábado (03) no estádio Nicolau Alayon às 15h pela 11° rodada.

Assessoria de Imprensa Palestra de São Bernardo
Leandro Giudici
8981.5442
9596.1087
Share on Google Plus

Sobre Breno Junior

Lado a Lado com o esporte do Grande ABC. Amante e entusiasta do Esporte no interior do ABCDM.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial