Tigre luta, mas é goleado pelo São Paulo no Morumbi

Apesar de criar boas chances, equipe do ABCD foi derrotada por 3 a 0 nesta quarta
 
Em sua primeira prova de fogo no Campeonato Paulista da Série A1, o São Bernardo lutou bastante, mas foi
derrotado por 3 a 0 pelo São Paulo na noite desta quarta-feira (19/01), no estádio do Morumbi, e conheceu seu primeiro revés na elite do estadual. Na estreia, o time da Região venceu o Grêmio Prudente por 3 a 1, no 1º de Maio.
O São Bernardo, que caiu para a 8ª posição com três pontos, buscará a reabilitação na terceira rodada do Paulistão no domingo (23/01), às 17h, quando enfrenta o Paulista, no Jayme Cintra, em Jundiaí. Já o São Paulo, vice-líder com seis pontos, pega a Ponte Preta, novamente no Morumbi, no sábado (22/01), às 19h30.
Acompanhe os gols da partida e entrevista do técnico do São Bernardo, Ruy Scarpino, após o confronto no link http://www.youtube.com/watch?v=IrU2vIYZ--M. O trabalho é do STI Esporte (Sistema de Transmissão Integrada). Narração de Alex Ricardo.
Jogo
Com jogadas rápidas, o São Paulo tratou de tomar conta do duelo no início. E logo na primeira chance, aos quatro minutos, saiu o primeiro gol dos donos da casa. Marlos fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Dagoberto, meio sem querer, desviar no canto do goleiro Marcelo Pitol.
Para tentar parar Dagoberto, Dirceu fez falta um pouco mais dura no atacante do Tricolor e recebeu cartão amarelo. Após o lance, o Tigre tratou de jogar bola e criou sua primeira chance. Danielzinho recebeu na área e bateu forte para Rogério Ceni espalmar para a linha de fundo.
A resposta são-paulina vinha sempre com as jogadas de Marlos e Dagoberto. Aos 26. Carlinhos Paraíba bateu escanteio e o goleiro Marcelo Pitol saiu de soco. No rebote, Dagoberto lutou pela bola, chutou de longe e obrigou o arqueiro bernardense a fazer excelente intervenção.
Aos 33, o lance mais polêmico do confronto. Júnior Xuxa chutou rasteiro dentro da área, a bola desviou na zaga e morreu no fundo das redes, mas o árbitro invalidou o tentou por suposta falta de Diogo Acosta em cima de Rogério Ceni.
Sete minutos mais tarde, o Tricolor ampliou o placar. Ilsinho foi lançado na direita e rolou para Marlos bater na saída de Pitol: 2 a 0. Aos 43, Willian Favoni soltou um petardo de longe e Rogério executou outra ótima defesa.
Na volta do intervalo, o Tigre buscou ainda mais o ataque e deu trabalho para a defesa adversária. Aos quatro minutos, Júnior Xuxa desviou de cabeça e Rogério defendeu. Três minutos mais tarde, depois de bombardeio ao gol são-paulino, a bola ficou com Favoni, que bateu e viu Alex Silva salvar e mandar a bola para a linha de fundo. Aos 16, nova chance. Guto chutou forte e quase marcou.
Mas o São Paulo foi letal. Em uma das poucas chances criadas no segundo tempo, o Tricolor deu números finais ao jogo. Fernandinho girou em cima do zagueiro Leandro Camilo e chutou no canto: 3 a 0.
Lamentos
Depois da partida, os jogadores do São Bernardo se mostraram insatisfeitos com o resultado negativo, mas destacaram o futebol mostrado pela equipe da Região. “Nós jogamos muita bola, mas perdemos muitos gols”, analisou o volante Guto.
O goleiro Marcelo Pitol seguiu o discurso do companheiro. “Foi um jogo bom, a gente até mereceu fazer, ao menos, um gol. Acho até que não houve falta no goleiro na anulação do nosso gol, mas valeu pela disposição”.
O arqueiro já pensa, inclusive, na partida de domingo diante do Paulista, fora de casa. “Estamos bem e temos tudo para conquistar uma vitória ou um empate fora”, finalizou.

Foto: Antonio Ledes

Por: Walter Fernandes  (wfernandes@abcdmaior.com.br) 

Fonte: www.abcdmaior.com.br


 
 
   


 



    
Share on Google Plus

Sobre Breno Junior

Lado a Lado com o esporte do Grande ABC. Amante e entusiasta do Esporte no interior do ABCDM.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial