Tigre perde para o Oeste em casa e sai de campo vaiado

Equipe do ABCD foi derrotada por 2 a 0 pelo adversário de Itápolis nesta quarta
 
A festa estava armada. Mais de nove mil torcedores compareceram ao estádio 1° de Maio para empurrar o São Bernardo na tarde desta quarta-feira (26/01) contra o Oeste pela quarta rodada da Série A1 do Campeonato Paulista. Mas o Tigre decepcionou e acabou
derrotado por 2 a 0. Os tentos da equipe de Itápolis foram marcados por Serginho e Roger na etapa complementar. O meia Nenê ainda perdeu uma penalidade nos instantes finais. A equipe da Região saiu vaiada de campo.
Com o segundo resultado negativo na competição, o time bernardense segue com quatro pontos conquistados. No domingo (30/01), às 19h30, novamente no campo da Vila Euclides, o São Bernardo tenta a reação diante do Corinthians. Já o Oeste, que alcançou os seis pontos, encara o Mirassol no sábado (29/01), no mesmo horário, no estádio Amaros.
Jogo
Apesar de jogar diante do apoio da torcida, o São Bernardo encontrou um Oeste com marcação adiantada no começo do confronto. Com isto, as jogadas de ataque bernardense eram facilmente neutralizadas pela defesa adversária.
Além disto, a equipe de Itápolis mantinha-se mais tempo com a posse de bola e criou as primeiras chances. Aos sete minutos, o meia Anselmo Ramon arriscou de fora e obrigou Marcelo Pitol a espalmar pela linha de fundo. Os donos da casa procuravam responder, mas esbarravam no nervosismo.
Somente aos 15 minutos surgiu a primeira oportunidade do Tigre. O lateral Henrique foi acionado pela direita e cruzou para Nena cabecear para as redes. No entanto, o auxiliar número um, Bruno Salgado Rizo, marcou impedimento no lance. A resposta do Oeste veio na jogada seguinte. Mazinho cobrou escanteio e Paulo Miranda cabeceou muito perto do travessão.
Depois do susto, só deu Tigre no campo de ataque. Foram quatro oportunidades criadas. A primeira delas aos 27 minutos. Guto lançou Júnior Xuxa, que furou. A bola sobrou na área para Nena, que driblou o goleiro, mas chutou para fora.
Sete minutos mais tarde, Júnior Xuxa cruzou da direita, Danielzinho pegou de primeira e a bola passou muito perto da trave esquerda de Fábio. O camisa 11 do Tigre perderia nova chance em seguida.
Na etapa complementar, o panorama não foi alterado. Em dois chutes de Wilian Favoni, aos sete e aos nove minutos, o São Bernardo levou muito perigo à meta adversária. Como resposta, Roger recebeu na frente, mas chutou em cima do goleiro bernardense. Aos 18, o time de Itápolis chegou ao gol. Serginho aproveitou cruzamento da direita e cabeceou no canto baixo de Marcelo Pitol: 1 a 0.
O gol desesperou a equipe da casa, que não conseguiu mais concatenar suas jogadas. O Oeste se aproveitou do momento favorável e buscou liquidar a fatura. O técnico Ruy Scarpino colocou Raul em campo, mas a alteração surtir pouco efeito. Aos 32, Roger recebeu na frente, cortou o zagueiro Amarildo dentro da área e chutou cruzado no canto direito do goleiro: 2 a 0.
Aos trancos e barrancos o São Bernardo partiu para cima. Aos 44, Raul foi derrubado na área. Na cobrança da penalidade, Nenê chutou em cima do goleiro e desperdiçou a chance de diminuir o marcador. Ao final da partida, os torcedores demonstraram toda a insatisfação com sonoras vaias.
Por: Walter Fernandes  (wfernandes@abcdmaior.com.br
 
Foto: Luciano Vicioni
 
 
Fonte: www.abcdmaior.com.br
Share on Google Plus

Sobre Breno Junior

Lado a Lado com o esporte do Grande ABC. Amante e entusiasta do Esporte no interior do ABCDM.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial