AZULÃO EMITE COMUNICADO APÓS CASO DE GATOS EM SBC


Precavido, clube informa que não autoriza que terceiros realizem avaliação de jogadores para suas equipes de base

A diretoria executiva da AD São Caetano, que detém cerca de 160 escolinhas oficiais franqueadas em todo o Brasil, anunciou nesta quarta-feira (30/03), por meio de nota à imprensa, que não tem
equipes ou empresários para assumir realizações de testes de futebol para outras cidades.
O clube garante ainda que não autoriza que outros municípios ou pessoas façam avaliações ou testes utilizando o nome do clube, principalmente cobrar por esses serviços. Com isso, o clube da Região busca se isentar de futuros problemas.
O pronunciamento da equipe acontece após o caso de nove adolescentes de Lago da Pedra, a 307 km de São Luís, no Maranhão, que foram recolhidos pelo SIG (Serviço de Investigações Gerais) de São Bernardo na última sexta-feira (25/03) depois de tentarem conseguir cédulas de identidade no Poupatempo para falsificar a idade.
O objetivo dos jovens entre 15 e 17 anos era fazer o famoso “gato”, golpe de adulteração da data de nascimento para possibilitar disputas em peneiras de clubes de futebol. Um destes testes, no São Bernardo Futebol Clube, ocorreu na última segunda-feira (28/03).


Por: Edélcio Cândido  (edelcio@abcdmaior.com.br)

Fonte: www.abcdmaior.com.br
Share on Google Plus

Sobre Breno Junior

Lado a Lado com o esporte do Grande ABC. Amante e entusiasta do Esporte no interior do ABCDM.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial