HISTÓRIAS E SAUDADE EM REENCONTRO DE EX-ÍDOLOS DO ALIANÇA

Ex-atletas, ex-dirigentes e muitos fãs convidados lotaram chácara no Riacho Grande

 Pelo menos 30 ex-atletas e diversos ex-dirigentes do extinto Aliança Clube, que reinou no futebol profissional de 1968 a 1979, em São Bernardo, marcaram com sucesso neste sábado (22/09) à tarde, em uma
chácara no Riacho Grande, no 1º Reencontro dos “Amigos do Aliança”. Cerca de 220 pessoas participaram do encontro, sendo que muitos vieram de distantes cidades paulistas (Itu, Itápolis, Ribeirão Preto, Campinas) e até outros Estados. Todos o dia “recordando casos” e revendo álbuns, além de dezenas de recortes de jornais do “Rei da Várzea”, na época, o campeoníssimo do Torneio Desafio ao Galo da TV Record.
Revelado pelo Aliança, o atacante Milton Cruz (hoje no São Paulo, técnico da base) enviou pedido de “desculpas” por e-mail por não poder  comparecer, já que estava junto com a delegação do Tricolor. Milton Cruz começou no sub-16 do Aliança. Em muitas fotos, antigas, Milton Cruz aparecia com companheiros nos tempos das equipes de base do Aliança.
As festividades ocorreram no espaço do “Futebol Valdir Cartola”, à beira da Billings, na altura da Estrada do Rio Acima, Bairro dos Fincos. “Reunião de amigos se faz em vida, não apenas em sepultamentos ou em missas do sétimo dia”, discursou Cartola. O ex-presidente e fundador do clube, o empresário Oswaldo Ferreira, hoje morando em Itu, não escondeu a emoção.
“Rever jogadores como Julio Amaral, Carioca (veio de Belém do Pará, para a festa), Jaiminho, Tuta, Paulão, Peru, Ramiro, Botu, os dirigentes Mohamad, Guilherme Zoccolo, é muito gratificante”, disse Oswaldo, 67 anos. De acordo com o radialista, Jurandir Martins, Júlio Amaral foi o mais assediado por ter jogado e sido ídolo no Palmeiras, Grêmio-RS, Fluminense, Inter-RJ e outros. “O Júlio jogou com Dudu, César Maluco e Ademir da Guia no Palmeiras, o Jaiminho, no São Paulo e Grêmio-RS, o goleiro Carioca, na Portuguesa, o técnico Schank em vários clubes, enfim, valeu”, afirmou. Carioca, 61 anos, virou agente de futebol em Belém do Pará e viaja pelo inteiro em busca de "talentos".
Organizaram o reencontro e prometem outro para 2013, Valdir Cartola (ex-dirigente do EC São Bernardo, o Cachorrão), os comerciante Augusto Toldo e Guilherme Zoccolo, Schank e radialista Jurandir Martins. Schank já tem uma lista assinada de mais de 100 pretendentes a novo reencontro para início de 2013. Entre políticos presentes da cidade, caso do candidato Alex Manente, esteve junto com amigos e família, ficou na festa quase o tempo todo numa mesa, mas sem discutir campanha e recordou que seu pai "sempre foi aliancista roxo". 

Por: Edélcio Cândido  (edelcio@abcdmaior.com.br)

Share on Google Plus

Sobre Breno Junior

Lado a Lado com o esporte do Grande ABC. Amante e entusiasta do Esporte no interior do ABCDM.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial