NACIONAL E BOA VISTA VENCEM E SEGUEM NO ESTADUAL

Os dois times se enfrentarão em melhor de dois jogos e ver quem segue no torneio

Nacional de Vila Vivaldi, de São Bernardo, e Boa Vista, de Diadema, venceram seus jogos de volta  neste domingo (23/09) diante de suas torcidas, e se enfrentarão em melhor de dois jogos para ver quem avança à
quarta fase do Campeonato Amador do Estado, promoção da FPF (Federação Paulista de Futebol).
Na disputa decisiva dos dois jogos entre si, Nacional ou Boa Vista, de quem passar vai representar o futebol do ABCD contra os classificados de outras cidades do Estado. A grande final do Estadual acontecerá no Pacaembu, Canindé ou Barueri, num domingo, às 11h.
Neste final de semana, o Boa Vista, campeão do torneio de 2011, ganhou do União Vila Sá de Santo André por 1 a 0, no estádio distrital do Serraria, em Diadema e segue na competição. O Nacional despachou o valente Juá de Mauá por 3 a 1, em seu campo, em tarde de muito frio deste domingo, e também continua no estadual.
O site da Federação Paulista de Futebol anuncia nesta terça-feira (25/09) em qual o campo será o primeiro dos dois jogos de Nacional e Boa Vista. De acordo com alguns dirigentes e atletas do Nacional, o primeiro duelo deve ocorrer em Diadema “porque o Nacional tem a melhor campanha no grupo”, frisou o goleiro Adílson, um dos bons destaques do time.
Apesar do frio, garoa, vento e, por ser domingo à tarde, quando muitos preferem descansar com a família ao assistir o futebol varzeano, muitos torcedores foram ao campo do Nacional. Entre os mais fieis, Valdir Gresman, o Nenê, com a camisa do clube, e a família, vieram de Itu para assistir ao jogo. “Morei muitos anos em São Bernardo e venho direto prestigiar o Nacional. Olha a minha esposa lá na mesa com outros familiares...Todos com a camisa do Naça. Eu amo o futebol varzeano”, dizia Nenê, comerciante em Itu.
Marcelo Castro, de Mogi das Cruzes, também é torcedor fanático do clube, e veio com amigos. Eles trouxeram até fogos de artifício. O conselheiro do Nacional, o japonês Dirceu Gonçalves, mais conhecido por Bola Verde, acompanha o clube há muitos anos. "Se eu ficar em casa fico nervoso", comenta, sorrindo.
Do lado do Juá de Mauá, Kleber Júnior Assis, que morou no Jardim Zaíra, veio de Praia Grande, inclusive, com uniforme grená do clube e uma bandeira. O servente de pedreiro, Álvaro de Ananias, 31 anos, mora em Riacho Grande, São Bernardo, e veio torcer pelo Juá. "Tenho familiares que são torcedores do Juá, e gosto de ver o time", dizia, sentindo muito frio (estava só de camiseta).  

Share on Google Plus

Sobre Breno Junior

Lado a Lado com o esporte do Grande ABC. Amante e entusiasta do Esporte no interior do ABCDM.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial