Depois de Kazu, EC São Bernardo sonha com Denílson e Rodrigo Fabri

Técnico e vice-presidente do Bernô, Julio Passarelli, já iniciou o contato com os assessores dos jogadores




Há cerca de um ano, o EC São Bernardo causou um estardalhaço no futebol regional ao cogitar a
 contratação do veterano japonês Kazu, ídolo no País oriental e do Santos – por onde jogou no começo da década de 1990. O plano audacioso não deu certo, mas o Bernô não deixou de pensar alto. O vice-presidente e técnico, Julio Passarelli, adiantou que o clube do ABCD fará um convite para Denílson e Rodrigo Fabri, que já se aposentaram dos gramados.



“Eles fazem parte do nosso planejamento. Falei com pessoas ligadas a eles e esses contatos ficaram de me dar uma resposta depois do carnaval. Se eles derem sinal positivo, vamos fazer a proposta, ver a intenção salarial de cada um”, comentou Passarelli.



A reportagem falou com o assessor de Denílson, ex-seleção brasileira e que atualmente é comentarista da Rede Bandeirantes. “Houve o interesse de alguns times por ele, mas está fora de cogitação o Denílson voltar a jogar profissionalmente”, informou.



Para Passarelli, a dupla só levaria um mês para adquirir ritmo de jogo, pois está em atividade nas famosas peladas, e também daria retorno de marketing, ajudando o clube a conseguir mais parceiros.



A realidade é que Denílson não joga uma partida profissional desde 2010, enquanto Rodrigo Fabri não sabe o que é um jogo sério desde 2009 – quando defendeu o Santo André.

Por: Antonio Kurazumi  (kurazumi@abcdmaior.com.br)

http://abcdmaior.com.br/noticia_exibir.php?noticia=47580

Share on Google Plus

Sobre Breno Junior

Lado a Lado com o esporte do Grande ABC. Amante e entusiasta do Esporte no interior do ABCDM.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial