Se subir, Água Santa corre risco de não jogar a Série A-3 em 2014

Time de Diadema terá menos de três meses para iniciar reformas no Inamar e deixá-lo pronto para receber 10 mil pessoas
 
Na luta para subir à Série A-3 do Campeonato Paulista, o Água Santa trava duas batalhas: uma dentro de campo, obviamente, e outra
fora das quatro linhas. De acordo com o regulamento da terceira divisão, cada participante é obrigado a ter um estádio próprio que caiba pelo menos 10 mil pessoas,  desde que localizado na cidade onde se encontra a sede da equipe. É aí que entra o problema para o Netuno. O Inamar, em Diadema, só tem espaço para cinco mil lugares e sequer tiveram início as reformas para aumentar a capacidade, sendo que a A-3 já começa no fim de janeiro.
Há cerca de duas semanas, a câmara municipal de Diadema aprovou a concessão do Inamar, mas o processo burocrático para definir o escolhido atrasa o andamento das obras. Ao que tudo indica, o próprio Água terá o direito de ficar com a praça esportiva, entretanto, nem o chamamento público (que definirá os candidatos) foi aberto. O futuro dono do estádio arcará com a responsabilidade e custos de fazer as reformas do Inamar.
“Estou esperando a coisa ficar oficial (concessão ao Água), para ir atrás de parceiros para bancar as obras. Vai ter que ser feita uma corrida contra o tempo para deixar o Inamar em ordem em menos de três meses”, preocupa-se o presidente do Água Santa, Paulo Sirqueira. Os Aquáticos iniciam a disputa final pelo acesso no sábado (21/09), quando jogam contra Cotia em Indaiatuba, e são considerados favoritos pelos números da Segunda Divisão – só têm campanha inferior à Matonense.
O secretário de Esportes de Diadema, Antonio Marcos, calcula que sejam necessários entre R$ 4 e 6 milhões para elevar a capacidade de público, prevendo também melhores condições à imprensa e um gramado novo. Nesta quarta-feira (18/09), os dirigentes dos oito sobreviventes da Segunda Divisão se reuniram na FPF (Federação Paulista de Futebol). Lá, ficou acertado que os quatro que subirem à A-3 serão obrigados a ter os respectivos estádios prontos até o fim de dezembro. 

 http://abcdmaior.com.br/noticia_exibir.php?noticia=53732


Share on Google Plus

Sobre Breno Junior

Lado a Lado com o esporte do Grande ABC. Amante e entusiasta do Esporte no interior do ABCDM.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial