TIGRE ESTREIA NA COPA DO BRASIL EM CLIMA DE DESPEDIDA

Careca e Erick Flores não enfrentam o Paraná no Primeiro de Maio e outros estão de saída

O São Bernardo lutou tanto pela vaga na Copa do Brasil, ao faturar o título da Copa Paulista em 2013, mas entrará em campo enfraquecido no duelo de ida contra o
Paraná, nesta quinta-feira (20/03), às 19h30, no estádio Primeiro de Maio. O meia Erick Flores e o atacante Careca se despediram do elenco e o volante Edson (lesionado, com diversos interessados em seu futebol e contrato no fim) não joga mais pelo clube.
Um outro porém nessa história é que o regulamento da competição nacional não permite que um atleta atue por duas equipes distintas. “Se eu jogasse contra o Paraná, não poderia disputar a Copa do Brasil pelo Náutico (sua nova casa)”, resumiu Careca, que viaja nesta quinta para Recife.
Apesar da situação comentada pelo atacante, jogadores com vínculo perto do fim decidiram ir para a concentração. É o caso do lateral-direito Rafael, que está preso ao São Bernardo até 20 de abril - assim como os de Wilson Júnior, Diego Jussani e Márcio Diogo.
“Cheguei aqui e vi um clube organizado, pagamentos em dia, a motivação (para jogar) é essa. Fui contratado para levar o São Bernardo o mais longe possível. Vou cumprir meu contrato”, declarou Rafael.
O técnico Edson Boaro terá de quebrar a cabeça para escalar o time titular, tanto que comandou o treino da quarta-feira (19/03) com nomes e formação diferentes em relação ao Campeonato Paulista. Formou uma linha de três atacantes, com Gil, Márcio Diogo e Bombinha. Bady participou de toda a atividade, mas não está confirmado por causa de uma questão física, segundo o treinador.
“A gente tem que respeitar a decisão dos atletas, alguns têm propostas para sair de imediato, eles têm que conversar e ver o que é melhor. Não adianta ficar aqui contrariado”, posicionou-se Boaro, que ressaltou a obrigação de o Tigre fazer o dever de casa nesta quinta-feira, ao contrário do que aconteceu nas três últimas vezes como mandante no Paulistão.
“Vamos fazer um novo começo, outra competição importante para o clube, jogaremos com um cuidado diferente porque o gol fora de casa marcado pelo adversário é importante (e ruim para o São Bernardo nesse caso)”, palpitou o técnico, sobre o reencontro com o Paraná – os dois foram rivais na última Copa do Brasil e o time do ABCD se deu melhor, eliminando os paranaenses. Se o São Bernardo perder por dois gols de diferença, não terá direito de realizar a partida de volta e estará eliminado. 

http://abcdmaior.com.br/noticia_exibir.php?noticia=57879
Share on Google Plus

Sobre Breno Junior

Lado a Lado com o esporte do Grande ABC. Amante e entusiasta do Esporte no interior do ABCDM.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial